LETRAS: LINGUAGENS E REPRESENTAÇÕES


Parcerias

  • Cooperação Nacional
  • Intercâmbios Internacionais

Estágios no PPGLLR

Encontram-se concluídos ou em andamento os seguintes estágios realizados no Programa, com supervisão de nossos docentes:

Tipo/Período

Pesquisador/a

Título

Supervisor/a

Pós-Doc
04 set. 2017 a
04 nov. 2018

Drª Silvia Regina Nunes (UNEMAT)

A constituição, formulação e circulação social do discurso digital sobre mulheres torturadas durante a Ditadura Militar Brasileira

Dr. Maurício Beck

Pós-Doc
01 fev. a 22 dez. 2018

Drª Luíza Santana Chaves Miconi Ferreira (UFMG)

La literatura infantil y juvenil en lengua española: una mirada interdisciplinaria e intercultural

Drª Inara de Oliveira Rodrigues

Pós-Doc
01 abr. a 30 set. 2018

Dr. Marcus Antonio Assis Lima (UESB)

O outro necessário: do eu narrável ao eu narrado. Por uma ética do altruísmo

Dr. André Luis Mitidieri Pereira

Licença-Capacitação
03 set. a 03 dez. 2018

Dr. Flávio Pereira Camargo (UFG)

Configurações homoeróticas em contos de Antonio de Pádua

Dr. André Luis Mitidieri Pereira

Tirocínio Docente
05 mar. a 04 maio 2018

Ms. Murillo César da Silva (UFBA)

Disciplina Linguagens e Representações

Dr. André Luis Mitidieri Pereira

Tirocínio Docente
05 ago. a 04 set. 2018

Ms. Gisane Souza Santana (UFBA)

Disciplina Literaturas Africanas

Drª Inara de Oliveira Rodrigues

PNPD
05 mar. 2016

Dr. Paulo Roberto Alves dos Santos

Pesquisa e atuação docente no PPGLLR

Dr. André Luis Mitidieri Pereira

URI-FW

O Programa de Pós-Graduação em Letras - Mestrado em Linguagens e Representações - da Universidade Estadual de Santa Cruz mantém convênio vigente por 5 anos (2016/2021) com o Programa de Pós-Graduação em Letras - Mestrado em Literatura Comparada - da Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões, campus Frederico Westphalen (URI-FW). Entre as ações do convênio, buscamos integrar pesquisadoras/es e fortalecer a pesquisa científica nas duas instituições, dando início à participação de discentes e docentes em grupos e projetos de pesquisa de ambos os Programas.

            Nesse sentido, a Profª Drª Denise Almeida Silva (URI-FW) ministrou o minicurso "Contos contemporâneos: relações étnico-raciais e o paradigma afrocêntrico", no VIII Colóquio Internacional Filosofia e Ficção, realizado na UESC. Também procedemos à organização conjunta do livro Brasil e Portugal: ditadura entre luzes e sombras, com subsídio financeiro da publicação sob o encargo do PPGL da URI-FW. Essa publicação contribui para ampliar as relações entre literatura, memória e história, o que contempla as linhas de pesquisa dos PPGLs:

Com o mesmo propósito, estamos organizando o livro Revisões do cânone: estudos literários e teorias contra-hegemônicas, a partir de definição de temáticas coerentes às linhas de pesquisas "Literatura, História e Memória" (URI) e "Literatura e Cultura: Representações em Perspectiva Interdisciplinar" e "Língua/Linguagem em Perspectiva Interdisciplinar" (UESC). O livro ainda contempla capítulos de professores e pesquisadores de outras instituições, que integram os GTS da ANPOLL "Análise de Discurso", "Argumentação", "Homocultura e Linguagens", "A Mulher na Literatura" e "Teorias do Texto Poético". A fim de fortalecer as linhas de pesquisa e as publicações dos Programas, foi realizado o seguinte planejamento editorial:

1) Editoração conjunta da edição 2016/02 da Revista Língua & Literatura (URI-FW):

Língua & Literatura, Frederico Westphalen, v. 35, n. 20, 2018. Dossiê Corporalidades, híbridos e sexualidades -  http://revistas.fw.uri.br/index.php/revistalinguaeliteratura/issue/view/153

2) Editoração conjunta da edição 2017/02 da Revista Litterata (UESC):

Litterata - Revista do Centro de Estudos Portugueses Hélio Simões, Ilhéus, v. 7, n. 2, 2017
http://periodicos.uesc.br/index.php/litterata/issue/view/139

3) Editoração conjunta da edição 2019/01 da Revista Tabuleiro das Letras (PPGEL/UNEB).

4) Organização de dossiê temático da edição 2019/02 da Revista Literatura em Debate (URI-FW).

            Ainda constituem metas definidas no convênio em curso: a) ampliar a cooperação entre pesquisadores dos Programas, por intermédio da participação de seus docentes em bancas de qualificação e defesa de Dissertação de Mestrado; b) fortalecer pesquisas científicas realizadas nos Programas, promovendo a interação entre pesquisadores, por meio da produção de artigos resultantes dos projetos desenvolvidos, com redação conjunta entre docentes e discentes; c) ampliar a interação entre os Programas com ênfase nas atividades de extensão, através de participação docente na organização e divulgação dos eventos Novos Olhares, SINEL e Simpósio Afrocultura, promovidos pela URI durante a vigência do convênio; d) ampliar a interação entre os Programas com ênfase nas atividades de extensão, através da participação docente na organização, divulgação e apresentação de trabalhos no Programa de Extensão Revisões do Cânone e nas edições do evento Linguagens e Representações em Debate, promovidos pela UESC, durante a vigência do convênio.


Publicações, grupos de pesquisa e associações nacionais

           O PPGLLR mantém colaboração contínua com outras instituições nacionais, por intermédio de participações docentes em grupos interinstitucionais e associações de pesquisa, Assim, docentes do Programa lideram e/ou participam de grupos de pesquisa, que envolvem os seguintes institutos e universidades: FATC Rio Preto; Fundação Visconde de Cairu; FURG; IFBA, campi Porto Seguro, Salvador e Santo Amaro (BA); IF Baiano, campi Teixeira de Freitas e Uruçuca (BA); IFMG; PUC-SP; UEFS; UEL; UERJ; UFAC; UFAL; UFBA; UFCE; UFES; UFF; UFG; UFMA; UFMT; UFPB; UFPI; UFRJ; UFRN; UFRRJ; UFS; UFSB, campus Itabuna; UFSE; UFSM; UMC; UNB; UNEB, campus Salvador; UNICAMP; UNIME; UNIRIO; UNIPAMPA; URNE; USP. Merece destaque o projeto Lalintec: um Ecossistema de Produção e Divulgação de Pesquisas em Linguagem e Tecnologia que, integrado pelo Prof. Dr. Rodrigo Camargo Aragão, promover interação entre pesquisadores da UESC, do CEFET/MG e da UFMG.

           Professores do PPGLLR integram os seguintes Grupos de Trabalho da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Literatura e Linguística (ANPOLL): a) Análise do Discurso, b) Argumentação, c) Formação de Professores; d) Homocultura e Linguagens, e) Linguagens e Tecnologias, f) A Mulher na Literatura, g) Psicolinguística, h) Teorias do Texto Poético. Docentes do Programa também integram as seguintes associações nacionais de pesquisa: Associação Brasileira de Linguística (ABRALIN); Associação de Linguística Aplicada do Brasil (ALAB); Associação Brasileira de Literatura Comparada (ABRALIC); Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-graduação em Artes Cênicas (ABRACE); INTERCOM (Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação). A editora EDITUS, da UESC, tem 3 professores do PPGLLR em seu conselho editorial, ao mesmo tempo em que diversos periódicos nacionais contam com docentes do Programa em seus conselhos editoriais, ou como pareceristas e revisores.

           No âmbito do evento "Linguagens e Representações em Debate", promovemos atividades com professores destacados no país em suas áreas de conhecimento. Desse modo, em 2017, realizamos: a) Aula Inaugural do PPGLLR, denominada "A Perspectiva Interdisciplinar das Literaturas Africanas", ministrada pela Profª Drª Rita de Cássia Natal Chaves (USP); b) mesa-redonda "Por uma Leitura Dialógica das Narrativas Hispano-Americanas", coordenada pela Profª Drª Vânia Lúcia Menezes Torga, com as presenças das professoras Msª Aliana Geórgia Carvalho Cerqueira (UNESP) e Drª Ester Myrian Rojo (UNESP); c) palestra "Emoções de Professores de Línguas: o que Sabemos?", com a Profª Drª Ana Maria Ferreira Barcelos (UFV); d) palestra "A Linguagem Além dos Muros Disciplinares", com Profª Drª Cristina Magro (UFMG); e) minicurso "A Tradução como Espaço de Mediação Cultural", com Msª Bárbara Cristina Carneiro (UFBA) e Dr. Jorge Hernán Yerro (UFBA); f) mesa-redonda "A América em foco nos estudos sobre língua espanhola e suas literaturas", com Dr. Carlos Felipe Pinto (UFBA) e Carla Damiani (UFBA).

           Em 2018, foram as seguintes as atividades promovidas pelo "Linguagens e Representações em Debate": Aula Inaugural do PPGLLR com o professor doutor Nelson Viana (UFIScar), no dia 02 de Março de 2018, com o tema "O ensino e a pesquisa para estrangeiros e(m) interfaces com o processo de internacionalização das universidades brasileiras"; "Dissertashow" com a discente Iara Bernabó Colina, e participações de Cabeça Isidório e Tales Pereira, no dia 20 de março de 2018, com o tema "A problemática expressão de si mesma na escrita do outro: regime de heterossexualidade em García Marques e Sánchez Baute"; minicurso "A materialidade da língua(gem)", no dia 27 de março de 2018, ministrado pela Profª Drª Amanda Scherer, da UFSM.

           Como atividade contínua do PROEDA – Programa de Divulgação dos Estudos sobre Discurso e Argumentação –,Dr. Eduardo Lopes Piris, Drª Isabel Cristina Michelan de Azevedo e Dr. Maurício Beck promoveram os seguintes cursos de extensão: a) Formação de Professores para o Ensino de Argumentação na Escola, com a Profª Drª Soraya Maria Romano Pacífico (USP); b) Formação de Professores de Português como Língua Estrangeira (PLE), com o Prof. Dr. Leandro Rodrigues Alves Diniz (UFMG); c) Arquivo, Circulação e Leitura: Problematizações em Análise de Discurso, ministrado pela Profª Drª Silvia Nunes (UNEMAT). Também foi oferecido o minicurso História do Conhecimento Linguístico: o Disciplinar na e da Língua, pela Profª Drª Amanda Eloína Scherer (UFSM). Em 2018, o PROEDA organizou os seguintes cursos: "A materialidade da língua(gem)", realizado na UESC; b) "A organização e edição de artigos acadêmicos, ministrado na UFS"; c) "A configuração funcional da argumentação epistêmica: o layout de Stephen Toulmin e seus desdobramentos", ministrado na USP; d) "Introdução à Análise do Discurso", ministrado na UFS; e) Formação de Professores de Português como Língua Estrangeira (PLE), com o Prof. Dr. Leandro Rodrigues Alves Diniz (UFMG); f) "Português para estrangeiros na UESC", ministrado na UESC pela mestranda Cecília Souza Santos Sobrinha, com monitoria discente de Natasha Susmaga Vargas e Rebeca Ranges Santos.

           Por sua vez, o Programa de Extensão Revisões do Cânone, em 2017, organizou o evento "Rodas de Conversa Mulheres em Profundanças: Re-Existência de Mulheres na Literatura e Fotografia". Fruto de uma parceria entre o projeto Profundanças, o curso de Especialização em Gestão Cultural e o Mestrado em Letras: Linguagens e Representações (UESC), o encontro promoveu debates sobre vozes dissidentes na literatura contemporânea, dissonâncias na difusão do trabalho de mulheres escritoras e a necessidade de publicações alternativas ao grande mercado. Por seu turno, o Prof. Dr. André Luis Mitidieri Pereira (UESC), em colaboração com o Prof. Dr. Paulo César García (UNEB) coordenou o Enlace Temático VIII, denominado "Desenlaces (Auto)biográficos: um Programa para Chamar de Seu na Dissidência Sexual e de Gênero", durante o V Seminário Internacional Enlaçando Sexualidades 2017, promovido pela UNEB, campus Salvador, e realizado em Salvador (BA). Em 2018, esse Programa de Extensão promoveu: o Colóquio Internacional da Diversidade Sexual e de Gênero (CODIV), realizado nos dias 10 e 11 de setembro de 2018; a IV Jornada de Literatura, História e (Auto)biografia, com o tema "Cem anos de Jorge Medauar e dez anos do PPGLLR", realizado no dia 29 de outubro de 2018, e a contar com participações de professores do IFBA, campus Salvador (BA), da UESC, UEFS, UFBA, UFMG e UNEB.

           Docentes do Programa apresentam destacadas atuações como pareceristas de publicações, em organizações de livros e periódicos, participações em comitês científicos de eventos nacionais e publicações conjuntas com professores e alunos de outros programas. Em 2018, ocorreram participações em bancas de sete teses de Doutorado; três exames de Qualificação de Doutorado; 10 dissertações de mestrado e um exame de Qualificação de Doutorado, realizadas na UESB, UFBA, UFMT, UFRN, UFES, UFF, UFS, USP e Universidade do Vale do Sapucaí.

Extensão, pesquisa e inserção Social

            Programas e projetos de extensão e pesquisa desenvolvidos por professores e discentes dos cursos de Comunicação Social e Letras da UESC, bem como do Programa de Pós-Graduação em Letras - Linguagens e Representações - têm destacada importância social, sobretudo pela integração universidade-comunidade. Assim, o Programa de Extensão de Ação Continuada Circuito Interno de TV (TV UESC) contribui para o diálogo entre docentes, discentes, servidores e a comunidade regional, buscando atender suas demandas de conhecimento e informação, numa abordagem convergente, que prioriza o intercâmbio de mensagens com paridade e democracia. O ProEDA – Programa de Divulgação dos Estudos sobre Discurso e Argumentação –responsabiliza-se por um conjunto de ações de extensão continuadas e temporárias, bem como pela publicação da EID&A - Revista Eletrônica de Estudos Integrados em Discurso e Argumentação. Por sua vez, Dinamizando o Ensino da Língua Inglesa desenvolve uma série de atividades de formação, dentre as quais, releva mencionar: (1) O programa de cursos de inglês UESC English: https://sites.google.com/site/estesinversos/uesc-english. (2) O programa de cursos de alemão UESC Deutsch: https://sites.google.com/site/estesinversos/uesc-deutsch. (3) Idea Factory: UESC English Language Teaching Convention: https://sites.google.com/site/estesinversos/idea-factory-uesc-elt-convention-2014. (4) Diversas outras ações: URL: <https://sites.google.com/site/estesinversos/projeto-de-extensao>

            Já o Programa de Extensão Revisões do Cânone desenvolve uma série de ações, ministradas por professoras/es da casa e docentes de outras instituições, voltadas ao incremento da formação discente em Letras, ao contemplar perspectivas que rasurem abordagens essencialistas, eurocêntricas, excludentes, a fim de compreendê-las como partículas de processo mais vasto e cujo entendimento se faz necessário para que se adentre nos debates contemporâneos com qualidade e condições de participação efetiva. Por fim, o Centro de Estudos Portugueses Hélio Simões – CEPHS – procura promover conhecimentos relativos às culturas e literaturas de língua portuguesa, aí incluídas as africanas. O Centro atua como ponto fundamental de apoio pedagógico e bibliográfico, disponibilizando acervo com mais de 3.000 itens, além de organizar lançamentos de livros, cursos, seminários, palestras, exposições etc. Ressaltamos, como atividade central do CEPHS em 2018, a promoção do I Simpósio de Literaturas africanas e afro-brasileira: encruzilhadas espistemológicas, contando com a participação de professores/pesquisadores da UFSB, UFRJ, UFMG e IFBaiano e mestrandos, graduados e graduandos de diferentes instituições, destacando-se a atuação de pós-graduandos da UFSB em mesa dedicada ao tema "Educação, identidade e relações raciais no Sul da Bahia" (UFSB), bem como de mestrandos, graduandos e egressos integrantes de grupos de pesquisa da UESC (GPBioH e GPAfro) e da UFV. Por sua vez, o evento Linguagens e Representações em Debate promoveu: a) "Clamor negro", performance artístico-conceitual, com Odailta Alves e Su Amorim; b) roda de conversa "Racismo no cotidiano", com Carmen Camuso, Josane Silva Souza, Odailta Alves e Raquel Oliveira.

            Merece destaque o projeto departamental Núcleo Temático Interdisciplinar KÀWÉ, que tem na Profª Drª Valéria Amim uma das coordenadoras de suas ações extensionistas, destinadas a aproximar conhecimentos produzidos na universidade daqueles gestados pela sociedade mais ampla, reafirmando o compromisso da UESC em compreender o legado de matriz africana na formação histórica e social do seu território de abrangência. Afinado com esse direcionamento, e desenvolvido pelo Prof. Dr. Ricardo Oliveira de Freitas, o projeto de pesquisa "Midiativismo e artivismo em cena: sobre a emergência de produções autóctones em periferias urbanas e (sub) urbanas", investiga modos e formas com que alguns grupos e comunidades elaboram iniciativas contra-hegemônicas. Ainda no que diz respeito à inserção social dos desenvolvimentos teóricos acerca de relações étnico-raciais, o PPGLLR estabeleceu parceria com o Instituto IRIS, de Salvador (BA), para abrigar o Projeto ORI, que contou com o apoio financeiro do governo do estado da Bahia. Voltado a lideranças comunitárias, adolescentes e jovens afrodescendentes de comunidades de baixa renda, o Projeto teve como perspectiva a mobilidade social dos envolvidos, e de suas comunidades de origem, mediante a inserção qualificada na economia cultural.

            No que diz respeito à articulação entre extensão e pesquisas voltadas a questões de Gênero e Diversidade Sexual, o Programa de Extensão Revisões do Cânone organizou em 2017: a) leitura dramática "Diatribe de Amor contra um Homem Sentado", com a atriz e discente do Programa, Iara Bernabó Colina, acompanhada do músico Cabeça Isidoro e da atriz Karoline Vital; b) relato e oficina de montação "Experiência Trans-Formativa", com o ator Luiz Santana e sua personagem drag-queen Rainha Loulou; c) intervenção artística "Manifesto da Bicha Maldita", com o discente de graduação Tales Santos Pereira; d) performance conceitual sobre questões de gênero e diversidade sexual, denominada "Corpos (Des)viados na Literatura". Em 2018, foram promovidas a Oficina de Montação Drag Queen, com Igor dos Santos Batista; as performances artístico musicais As vozes que me soam, Cabaré de Liza Minelli, Thallyz Mann e suas transafilhadas, pelo discente do Programa Tales Santos Pereira e, por esse, em colaboração com outra mestranda, Iara Bernabó Colina, a performance artístico-conceitual Disserta-show: a problemática expressão de si mesma na escrita do outro.

            Dentre as variadas atividades colaborativas que se realizam entre o PPGLLR e outros programas e projetos relacionados à qualificação da docência, à formação de leitores e à qualificação de profissionais ligadas/os aos estudos de línguas e linguagens, destaca-se o Grupo de Pesquisa FORTE (Formação, Linguagens e Tecnologias) que, coordenado pelo Prof. Dr. Rodrigo Aragão, colhe resultados de investigações voltadas ao desenvolvimento de materiais de ensino inovadores, integrando a comunidade acadêmica UESC e professores de inglês em serviço na rede pública. Ademais, o Programa contempla disciplinas voltadas ao ensino e projetos que envolvem docentes e discentes do Instituto Federal da Bahia (IFBA) e do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano (IF Baiano). O Grupo desenvolve os projetos de pesquisa "Linguagem e identidade em perspectiva interdisciplinar" e "Lalintec: um ecossistema de produção e divulgação de pesquisas em linguagem e tecnologia", em constante diálogo com pesquisadores e discentes do CEFET/MG, da UFMG.

            A conexão com a educação básica ocorre, também, via PROFLETRAS, em especial, por meio de produtos gerados ao final das pesquisas e que serão disponibilizados em rede, com o objetivo de impactar diretamente no trabalho do professor que atua, particularmente, no ensino fundamental. Além disso, os projetos de pesquisa "Construção de saberes relativos ao ensino de português como língua materna e como língua estrangeira", "Desenvolvimento de competências/capacidades discursivo-argumentativas de estudantes do ensino fundamental e médio", "Gramaticalização de advérbios: o uso da língua portuguesa em foco" e "O texto e a linguística: parâmetros para análise da conversação" viabilizam conexões com a educação básica. Por seu turno, o Grupo de Pesquisa Literatura, História e Cultura: Encruzilhadas Epistemológicas realiza, junto à rede pública de Ensino Básico, oficinas de aprimoramento docente. Já o Grupo de Pesquisa O Espaço Biográfico no Horizonte da Literatura (GPBIO), além de ser integrado por docentes do IFBA, campi Ilhéus, Salvador e Santo Amaro (BA) e do IF Baiano, campus Teixeira de Freitas e Uruçuca (BA), promove atividades colaborativas com participação de discentes desses institutos federais, como a performance conceitual sobre questões de gênero e diversidade sexual, denominada "Corpos (Des)viados na Literatura", realizada no IFBA, campus Ilhéus (BA), e a parceria entre o GPBIO e o Projeto Oxe, do IFBA de Santo Amaro (BA), que trouxe estudantes desse campus para estudar a obra de Jorge Amado na UESC e visitar locais referidos em sua criação literária. Também merece relevo que a mestranda do Programa, Iara Bernabó Colina, implementasse o Grupo GENI, para estudos de gênero e diversidade sexual, no campus Uruçuca do IFBaiano.

 

 


Universidad de Concepción

O convênio firmado entre o Departamento de Letras e Artes/PPGLLR (UESC) e o Magister/Doctorado en Literaturas Hispánicas da Universidad de Concepción (UDEC) - Chile - destina-se a promover a colaboração acadêmica, científica e cultural, bem como fomentar a cooperação entre seus programas de pos-graduação, por meio das seguintes formas:

1)         atividades de pesquisa conjuntas em temas de interesse comum para ambas as Instituições;
2)         intercâmbio de professores,  pesquisadores e estudantes;
3) intercâmbio de informação em temas de interesse para ambas as Instituições;
           

            Dentre as ações contínuas relacionadas a esse convênio, a Profª Daiana Nascimento dos Santos, da UDEC, participa do Projeto de Pesquisa "O oceano de fronteiras invisíveis: literaturas em línguas inglesa e portuguesa e fluxos epistemológicos sul-sul", coordenado na UESC pelo Prof. Dr. Isaías Francisco de Carvalho, e do Grupo de Pesquisa (CNPq) Literatura, História e Cultura: Encruzilhadas Epistemológicas, liderado pela Profª Drª Inara de Oliveira Rodrigues (UESC). Como outra ação pontual efetivada em 2017, o Prof. Dr. Augusto Marcos Fagundes Oliveira organizou o seminário "Los océanos de fronteras invisibles. Luanda-Bahia-Valparaíso: imaginarios portuarios transoceánicos" em colaboração com a UDEC e a Universidad de Playa Ancha, juntamente com os professores Daiana Nascimento dos Santos, Daniuska González, Braulio Rojas, Eddie Morales, Cristán Opazo, Clicie Rosana Nunes Adao, Edda Hurtado e Ineke Phaf-Rheinberger. Ainda, pesquisadores da UESC participarão do segundo volume do livro Revisões do cânone: estudos literários e teorias contra-hegemônicas, organizado por professores do PPGLLR (UESC) e do PPGLLC (URI-FW).
Università Ca'Foscari Venezia

O Acordo de Cooperação Internacional do Departamento de Letras e Artes da UESC com o Departamento de Estudos Linguísticos e Culturais Comparados da Università Ca'Foscari Venezia fomenta a cooperação entre seus cursos de graduação, programas de pós-graduação e grupos de pesquisa, prevendo-se: 1) atividades de pesquisa conjunta em temas de interesse comum para ambas as instituições; 2) intercâmbio de professores, pesquisadores e estudantes nas áreas de cooperação que se estabeleçam, objetivando a realização de pesquisa, ensino, extensão e gestão universitária, assim como cursos de diferentes níveis e temas para o corpo docente e discente, conferências, seminários, coorientações, constituição de grupos de trabalho e programas comuns de curto, médio e longo prazo; 3) intercâmbios de informação em temas de interesse para ambas as instituições, tais como livros, revistas, periódicos etc. e propostas de publicações conjuntas; 4) facilidade para o acesso e a pesquisa em arquivos, laboratórios e bibliotecas das respectivas instituições.
            As instituições dão prosseguimento a ações conjuntas que vêm desenvolvendo desde 2015, ao promoverem: a) a conferência “La concepción teatral de Miguel de Cervantes”, ministrada pela Profa. Dra. Maria Del Valle Ojeda Calvo (Ca' Foscari); b) a palestra "Carlos Drummond de Andrade: a memória e as memórias", com o Prof. Dr. Vincenzo Arsillo (Ca'Foscari); b) o minicurso "La práctica de la imagen en Carmen Martín Gaite: de la escritura al collage", com a Profª Drª Elide Pitarello (Ca'Foscari).
            Em 2016, com recursos oriundos da Chamada Pública FAPESB/CAPES 003/2014, 3 docentes do PPGLLR –Dr. André Luis Mitidieri Pereira, Drª Paula Regina Siega e Drª Zelina Márcia Pereira Beato – realizaram estudos sob orientação do Prof. Dr. Luis Fernando Beneduzi, acerca de relações institucionais entre Brasil e Itália no Departamento de Estudos Linguísticos e Culturais Comparados da Università Ca’Foscari Venezia. O primeiro ainda ministrou, em língua espanhola, os minicursos “Santa Evita y la obra de Tomás Eloy Martínez” e “Aportes africanos, indígenas y no-ibéricos en el romanticismo hispano-americano” nesse Departamento e realizou pesquisa bibliográfica acerca de gênero e literatura hispano-americana, sob orientação da Profª Drª Susanna Regazzoni. Na mesma ocasião, as professoras Drª Paula Regina Siega e Drª Zelina Márcia Pereira Beato ministraram o minicurso "Minha língua canibal: reflexões sobre antropofagia, literatura e tradução no Brasil". A Profª Drª Paula Regina Siega também realizou pesquisa bibliográfica sobre o teatro de Carlo Goldoni, sob orientação da Profª Drª Maria Del Valle Ojeda Calvo.

Publicações, grupos de pesquisa e associações internacionais

Docentes do Programa de Pós-Graduação em Letras - Linguagens e Representações - da UESC atuam como pareceristas dos seguintes periódicos internacionais: Educación, Educadores, Contexturas; Estudios del Discurso (México); Profile Journal Issue; Rétor (Argentina); The Especialist. Por sua vez, a EID&A, Revista Eletrônica de Estudos Integrados em Discurso e Argumentação – conta com pareceristas e recebe contribuições de docentes/pesquisadoras/es de diversas instituições internacionais, além de publicar seus textos em espanhol, francês e inglês.
            Mencionamos a participação de professores do PPGLLR em grupos de pesquisa que envolvem IES estrangeiras, como é o caso da profª Drª Paula Regina Siega, no NETIR - Núcleo de Estudos em Transculturação, Identidade, Reconhecimento, em parceria com a Universidade Ca'Foscari de Veneza. Sublinhamos a presença da Profª Drª Reinhilde Meylaerts, da Katholieke Universiteit Leuven (Bélgica) no Grupo de Estudos da Tradução; da Profª Drª Maria Alejandra Vitale, da Universidad de Buenos Aires, no ELAD – Estudos de Linguagem, Argumentação e Discurso; do Prof. Dr. Francisco de Fátima da Silva, da Universidade da Califórnia, no Grupo de Pesquisa Traduzir Derrida: Políticas e Desconstruções; Ainda destacamos o estágio de docência, bem como o desenvolvimento de uma parte das pesquisas de doutorado, realizados no PPGLLR pela Profª Msª Mercedes Durá Lizan, da Universidad de Elche (Espanha).
            O Programa também se faz representar por docentes envolvidos em associações internacionais, como os professores Dr. André Luis Mitidieri Pereira e Drª Inara de Oliveira Rodrigues, na Associação Internacional de Lusitanistas; o Prof. Eduardo Lopes Piris, na Associação Latino-Americana de Estudos do Discurso; a Profª Drª Paula Regina Siega, na Latin American Studies Association (LASA); a Profª Drª Sandra Maria Pereira do Sacramento, no Centre de Recherches Latino-Americaines Archivos da Universidade de Poitiers (França); a Profª Drª Zelina Márcia Pereira Beato, no CETRA (Center for Translations Studies da Universidade de Leuven, Bélgica). O VIII Colóquio Internacional Filosofia e Ficção, promovido por docentes do Programa, contou com professores estrangeiros, conforme http://www.uesc.br/eventos/viiififi

            Por fim, ressaltamos as seguintes experiências inovadoras de formação: o Idea Factory (UESC English Language Teaching Convention) e a criação do Núcleo de Línguas (Nucli-IsF-UESC), responsável pelo credenciamento da instituição ao Programa Idiomas sem Fronteiras junto à CAPES. Ligadas ao Programa de Extensão Dinamizando o Ensino da Língua Inglesa, coordenado por docente do Programa, tais empreendimentos aliam-se ao convênio UESC/CAPEs/DAAD (Alemanha), bem como aos cursos de inglês Iniciante, Intermediário e Avançado, oferecido para docentes e alunos da UESC e para a comunidade e diversas outras atividades que podem ser conferidas em: <https://sites.google.com/site/estesinversos/projeto-de-extensao>
Ações de Internacionalização

O processo de internacionalização do Programa de Pós-Graduação em Letras - Linguagens e Representações (UESC) leva em conta, prioritariamente, os acordos e convênios formalizados e outras parcerias estabelecidas, em especial, a partir de grupos interinstitucionais. Como esforço para fortalecer ações de internacionalização, a UESC, através de sua assessoria de relações internacionais (ARINT) estabelece acordos de cooperação com instituições de ensino superior e renomados centros de pesquisa, facilitando o intercâmbio de docentes, pesquisadores e alunos dos programas de pós-graduação.

Oficialmente, a UESC tem acordos bilaterais para fomentar ações acadêmicas conjuntas com Moçambique, várias universidades da Bélgica, Canadá (através do CREPUQ), Cuba, Espanha, EUA, França, Itália, México (através do acordo GCUB-ANUIES) e Portugal. O PPGLLR participa dos convênios OEA/PAEP e PROAFRI, para estudantes da América Latina e da África, por meio dos quais, recebe em 2019 as discentes de Mestrado Mailén Abril Salminis, de Córdoba (Argentina) e Marta Pedro Matsimbe, de Moçambique. Por sua vez, a Profª Drª Valéria Amin integra o projeto Infâncias em comunidades tradicionais e em áreas de proteção ambiental no Brasil e em Cuba – lições para educação ambiental, com pesquisadores da UESC, UNIRIO e Universidad de de Pinar del Río – Havana, Cuba. O Prof. Dr. Ricardo Oliveira de Freitas firmou parceria entre o Grupo de Pesquisa e Estudos em Mídias Alternativas e Midiativismo – GUPEMA, por ele liderado, e o Center for Latin American Studies – LAS, da University of Florida, através da vinda da professora Tanya Saunders ao PPGEL da UNEB. A parceria firma também sua atuação naquela universidade como Professor Visitante (Visiting Profesor) em 2019.

Em 2017, através do Centro de Estudos Portugueses Hélio Simões e do Programa de Extensão Revisões do Cânone, coordenados respectivamente pela Profª Drª Inara de Oliveira Rodrigues e pelo Prof. Dr. André Luis Mitidieri, o PPPGLLR organizou o VII Colóquio Internacional Filosofia e Ficção, que contou com os seguintes conferencistas: Profª Drª Monique Roelofs (Hampshire College, MA/EUA); Prof. Dr. Arnold Farr (Universidade de Kentucky/EUA). No ano seguinte, o Programa de Extensão Revisões do Cânone, e o Grupo de Pesquisa O Espaço Biográfico no Horizonte da Literatura Homoerótica promoveram o Colóquio Internacional da Diversidade Sexual e de Gênero, que contou com o Prof. Dr. Jorge Luis Peralta, da Universidade Nacional de La Pampa (Argentina) e abordou obras literárias e audiovisuais produzidas na América Latina.
Os mesmos órgãos citados, como atividades que visam integrar extensão, pesquisa e ensino, foram responsáveis em 2018 pela copromotoria da II Conferência Internacional Intersexualidades, do Grupo de Pesquisa Internacional Intersexualidades, sediado no Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa, da Universidade do Porto (Portugal). Com a temática Intersecionalidades: saberes e sentidos do corpo, o evento teve organização da Universidade do Estado da Bahia (UNEB) e da Universidade de São Paulo (USP) e copromoção da UESC, da UFBA e da UFSC.

Também em 2018, o Prof. Dr. Eduardo Lopes Piris, juntamente com a Profª Drª Isabel Michelan de Azevedo, organizaram o IV SEDiAr – Seminário Internacional de Estudios sobre Discurso y Argumentatión – realizado na Universidad de Buenos Aires, durante o qual, foram apresentados trabalhos por professores e discentes do Programa. O Prof. Dr. Urbano Cavalcante Filho compôs a comissão organizadora do Colóquio Internacional do Grupo de Pesquisa Diálogo e Redes Bakhtinianas (USP). Ainda, no âmbito do evento “Linguagens e Representações em Debate”, O PPGLLR ofereceu o minicurso Análisis del Discurso, los medios de comunicación y el debate sobre la educación sexual, com o Prof.Gabriel Dvoski, da Universidad de Buenos Aires.

Em 2018, docentes do Programa ministraram conferências em universidades argentinas e nos seguintes eventos internacionais: a) Congresso Internacional de Ensino de Língua Portuguesa – CONELP – UERJ; b) Colóquio Internacional do Grupo de Pesquisa Diálogo e Redes Bakhtinianas (USP); c) Conferência Internacional Intersexualidades, ocorrida em Salvador (BA). Destacamos a crescente participação qualificada do corpo docente em comitês científicos, organização de publicações, emissões de parecer e outras atividades que envolvem colaboração com instituições internacionais.

 

 

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ
Campus Soane Nazaré de Andrade, Rodovia Jorge Amado, km 16, Bairro Salobrinho
CEP 45662-900. Ilhéus-Bahia
wmaster