Acesse o webmail

Notícias

Tamanho da letra: A- A+

Inaugurado o Centro de Inovação do Cacau

11/03/2017 atualizada em 13/03/2017 10:53 - Assinado pela ASCOM

"Em um cenário marcado por oportunidades na cadeia de valor, o Centro de Inovação do Cacau (CIC) surge como elemento estratégico na valorização efetiva da amêndoa e do chocolate brasileiros.” Define o professor/Dr Gesil Sampaio Amarante Segundo, diretor do Parque Cientifico Tecnológico do Sul da Bahia (PCT-Sul) pouco antes da solenidade de inauguração do CIC, na tarde desta sexta-feira (10), que funciona no Instituto de Análises Físico-Químicas (IPAF) no Campus da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), na rodovia Jorge Amado(BR415), em Ilhéus/BA.

A solenidade foi realizada no Auditório do Centro de Arte e Cultura da Universidade com as presenças do secretario do Desenvolvimento Econômico da Bahia, Jaques Wagner, representando o governador Rui Costa; da reitora da UESC, Adélia Pinheiro; dos reitores da UEFS, Evandro do Nascimento Silva, e da UFSBA, Naomar de Almeida  Filho; do Diretor do IFBA, Renato Conceição; da senadora Lídice da Mata; dos deputados federais Bebeto Galvão e Davidson Magalhães; do Secretario de Ciência Inovação e Tecnologia, da Bahia, Vivaldo Mendonça; do vice prefeito de Ilhéus, José Nazal Sou; do diretor do Parque Científico e Tecnológico do Sul da Bahia Gesil Amarante Segundo; diretor da Associação Nacional das Indústrias Processadoras de Cacau (AIPC)  Eduardo Brito Bastos;do superintendente da Ceplac, Juvenal Maynard; e do vice-presidente da Federação da Agricultura do Estado da Bahia (Faeb), Guilherme Moura, entre outras autoridades.

Ao abrir a solenidade, o vice-prefeito de Ilhéus manifestou a alegria por estar o município sediando dois empreendimentos que representam a modernidade e o futuro. “estaremos de mãos dadas a esses projetos e a todas as iniciativas que propiciem melhor ambiência para o desenvolvimento do cacau e para a inovação tecnológica”, declarou José Nazal.

Para a reitora da UESC, Adélia Pinheiro, “o Centro de Inovação do Cacau é um pontapé inicial para as atividades do parque. O Centro já está sendo um importante apoio para a cadeia produtiva do cacau, visando a sua qualificação e a inovação da cadeia como um todo.”

O secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, do governo da Bahia, Jaques Wagner, destacou a importância do trabalho conjunto para a criação do empreendimento. “é uma integração entre instituições públicas federais, estaduais, universidades e da iniciativa privada. O que muito me alegra é o fato de haver um conjunto de empresas privadas que se associam e sabem que esse é o melhor caminho. Somos o único país do mundo em condições de ir do fruto ao produto, então temos que agregar valor na produção do chocolate”.

O CIC tem a missão de construir, consolidar e difundir conhecimento sobre o cacau e o chocolate de qualidade, com foco na melhora da produtividade, qualidade e rastreabilidade das amêndoas. Esta atuando numa Plataforma Virtual, dedicada à gestão do conhecimento e disseminação de boas práticas, vai oferecer a produtores, especialistas e representantes do mercado informações relevantes e sistematizadas em um único lugar. Enquanto o Laboratório será responsável pelas análises físico-químicas que, entre outras metas, irão colaborar com a abertura de novos mercados e, também, com o processo de obtenção da Identificação Geográfica pelo cacau do Sul da Bahia.

Trata-se do esforço da UESC, - que, além de sócia-fundadora, colabora com o desenvolvimento organizacional do PCTSul através do Programa de Incubação da Broto Incubadora de Biotecnologia(BROTO), iniciativa bi-institucional da UESC/UEFS, que fornece suporte gerencial, orientação tecnológica e consultoria econômico-financeira a empreendimentos de base tecnológica-, UFSBA, IFBA, IFBaiano, secretarias estaduais de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) e Desenvolvimento Econômico (SDE). Com foco na criação e inovação da cadeia produtiva do cacau e chocolate no sul da Bahia, a previsão é que a estrutura receba investimentos da ordem de R$ 6,5 milhões até 2019. Foram três anos de estudos para o desenvolvimento do projeto da unidade, que irá auxiliar ainda na qualificação dos ensinos técnico e superior da região.




            


Data de publicação
16/01

Novo livro da Editus discute Migrações e Identidades

O livro apresenta diferentes olhares sobre as migrações internacionais e as suas inter-relações com o tema identidade.
16/01

Editus lança: Literatura do Cacau Cyro de Mattos

O livro é resultado da disciplina Literatura Sul-Baiana, do curso de Letras da UESC
08/01

Memória

Comunidade acadêmica registra a perda da professora Lise e do estudante Rauel.
08/01

Recital de Matheus Luna na UESC

O espetáculo será na próxima sexta-feira, dia 12, às 19 horas, no auditório do Centro de Arte e Cultura da universidade, com entrada franca.
1 a 4 de 4         Número de registros por página: 10, 20, 50, 100, 250
UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ
Campus Soane Nazaré de Andrade, Rodovia Jorge Amado, Km 16, Bairro Salobrinho
CEP 45662-900. Ilhéus-Bahia
wmaster