Acesse o webmail

Notícias

Tamanho da letra: A- A+

Adélia Pinheiro debateu futuro das universidades públicas brasileiras no 60º Fórum da Abr

05/06/2017 - Assinado pela ASCOM

A reitora da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) e vice-presidente da Abruem, professora Adélia Carvalho de Melo Pinheiro, fez uma alerta sobre a ameaça ao funcionamento das universidades provocada pelos sucessivos cortes nos orçamentos e contenções financeiras impostas às das instituições. Ela apresentou palestra sobre Futuro das Universidades Públicas Brasileiras durante o 60º Fórum Nacional de Reitores da Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (Abruem), sediado pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Campina Grande (PB).

A professora Adélia Pinheiro, fez uma análise do contexto atual amparada na realidade e na história que as instituições apresentam no conjunto da educação superior pública. A vice presidente da Abreum fez uma projeção procurando mostrar quais são os grandes desafios dos gestores para garantir o funcionamento das universidades em meio a escassez de recursos. “Que caminhos podemos buscar e estabelecer como estratégias para caminhar no sentido da garantia da sustentabilidade e do financiamento adequado das universidades?”, indagou.

Adélia Pinheiro alertou que o momento é extremamente crítico e que os reitores precisam ter clareza disso, visto que existe o risco de ameaças a importantes conquistas historicamente construídas pelas universidades, a exemplo da autonomia que cotidianamente vem sendo “anulada” enquanto preceito constitucional. Em meio a tudo isso, os gestores, segundo Adélia, precisam usar de muita criatividade para garantir a qualidade das atividades desenvolvidas no ensino, na pesquisa e na extensão em razão de um financiamento suprimido ou inadequado.

Para ela não existe uma única estratégia para fazer frente a um momento tão complexo, mas um conjunto de ações que devem ser estabelecidas. A mais importante das atividades para superar a crise e garantir o princípio do ensino público gratuito, apontou a vice-presidente da Abruem, é a profissionalização e a racionalização da gestão. Porém, sem esquecer-se da prestação dos serviços especializados, visto que as universidades têm competência para a busca por financiamento externo, a internacionalização das atividades e a captação de recursos da União.

“Temos que buscar soluções que sejam menos generalizadas, mais próprias da identidade de cada instituição. Ou seja, uma decisão do gestor em conjunto com a comunidade acadêmica”, destacou a reitora. Em relação ao tema central do evento, “Governança pública: transparência e controle social na gestão do Ensino Superior”, a reitora disse que a temática foi bem oportuna para o momento que o Brasil atravessa. Para a professora, a temática foi pensada em consonância com o que o país vive e vem atender boa parte das intranquilidades que os reitores das universidades estaduais e municipais têm nesse momento. “Portanto, é um Fórum que nos qualifica para a questão universitária”, salientou Adélia Pinheiro.




            


Data de publicação
14/12

Palestra Cidades Humanizadas

Dia 18 de Dezembro
14/12

Médicos e profissionais da saúde concluem curso de Preceptoria em Ilhéus

O Seminário foi aberto com a apresentação do Projeto Aplicativo do Grupo, sobre o processo de implantação da Residência Médica no município de Ilhéus, pela especializanda Valéria Gazar.
12/12

5ª Feira do Livro da UESC movimenta o cenário regional

5ª Feira do Livro da UESC mostrou que é possível fazer do livro um instrumento de emancipação e engajamento político.
08/12

Estudantes da UESC levam alimentos e kits de higiene para Centro Social Cri’Art

A entidade assistencial dirigida pelas religiosas palotinas atende atualmente a cerca de 120 crianças de seis a doze anos de idade.
07/12

Lazzo Matumbi emocionou o público em apresentação em Ilhéus

A 5ª Feira do Livro da UESC, ainda não acabou, e para saber mais sobre as atividades basta acessar o site, onde a programação completa está disponível
07/12

Programa Partiu Estágio

Terceira Convocação
06/12

Formação continuada de professores da Educação Infantil começam em fevereiro

Os encontros serão mensais, de fevereiro a novembro de 2018, com carga horária de 80 horas/aula.
04/12

Oficina “Como Fazer uma Boa Demonstração Matemática”

Dia 19 de Dezembro
01/12

Debate, música e lançamentos na abertura da Feira do Livro

A ideia é chamar a atenção do público para a importância de ler como processo de apropriação de conhecimento e ampliação de consciência.
01/12

Programa Mais Futuro - Auxílio Permanência 2017.2

Informe sobre Publicação de Resultado e Termo de Compromisso
1 a 10 de 10         Número de registros por página: 10, 20, 50, 100, 250
UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ
Campus Soane Nazaré de Andrade, Rodovia Jorge Amado, Km 16, Bairro Salobrinho
CEP 45662-900. Ilhéus-Bahia
wmaster